segunda-feira, 29 de março de 2010

Novena ao Santíssimo Cristo da Vitória

                     Novena ao Santíssimo Cristo da Vitória

Orações Iniciais:

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.

Ato de Contrição Senhor meu Jesus Cristo, meu Deus, meu Pai e Redentor:
Por ser Vós quem sois, e porque Vos amo, como a bondade infinita sobre todas as coisas, me pesa de ter-Vos ofendido, e com vossa graça proponho confessar-me e fugir das ocasiões de pecado.
Pela Vitória que na Cruz alcançastes contra o demônio, o pecado e a morte, vos suplico, Senhor me concedas nesta vida, para Glória vossa, a vitória sobre todas as minhas paixões, a fim de que eu possa lograr uma santa morte. Amém.

Rezar a oração do dia correspondente e depois as orações finais:

Orações Finais para todos os dias: Oração a Chaga do ombro de Jesus
São Bernardo perguntou ao Divino Salvador, qual foi sua dor na paixão mas desconhecida pelos homens.
Jesus lhe respondeu:
Tinha uma Chaga profundíssima no ombro sobre o qual carreguei minha pesada cruz;
Essa Chaga era a mais dolorosa de todas.
Os homens não a conhecem.
Honrai pois esta Chaga e farei todo o que por ela peças...

Oração: Oh! amado Jesus, manso Cordeiro de Deus, apesar de ser eu uma criatura miserável e pecadora, te adoro e venero a Chaga causada pelo peso de vossa cruz que abrindo vossas carnes desnudou os ossos de vosso ombro sagrado e da qual vossa Mãe Dolorosa tanto se compadeceu.
Também eu, Oh! caríssimo Jesus, me compadeço de Vós e desde o fundo de meu Coração te glorifico e te agradeço por esta Chaga dolorosa de vosso ombro na qual quisestes carregar vossa cruz por minha salvação.
Ah! pelos sofrimentos que padecestes e que aumentaram o enorme peso de vossa cruz, rogo-te com muita humildade, tende piedade de mim pobre criatura pecadora, perdoai meus pecados e conduzi-me ao Céu pelo caminho da cruz.
Se rezam sete Ave-Marias e se agrega:

Mãe Santíssima imprime em meu Coração as chagas de Jesus Cristo crucificado... (Indulgência de 300 dias)

Oh! dulcíssimo Jesus, não sejas mu Juiz mas sim meu Salvador... (Indulgência de 100 dias)
Oração final para todos os dias
Pacientíssimo Deus meu:
Eu adoro vosso amantíssimo Coração, em companhia de vossa Santíssima Mãe e de todos os Anjos e santos, especialmente dos que tem sido mais devotos de vossa Paixão:
E vos suplico me concedas pelas dores que por mim padecestes, a graça que vos peço nesta novena, se há de ser para Glória vossa e bem de minha alma.
Oh!, Santíssima Mãe de Deus! alcançai-me o amor de vosso divino Filho para ama-Lo, imita-Lo e segui-Lo nesta vida e adora-Lo no Céu. Amém.

Primeiro Dia Santíssimo Cristo da Vitória: Pela Coroa de espinhos que atormentou vossa divina cabeça, vos suplico me concedas o perdão de todos meus pecados de pensamentos, e me fortaleça com vossa graça para que com toda a minha mente vos ame e vos glorifique. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Segundo Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pela dolorosíssima flagelação que quisestes padecer em todo vosso Santíssimo corpo para expiar meus pecados, vos suplico me concedas a graça de não ofender-vos mais com meu corpo; que seja nele feito o templo vivo do Espírito Santo. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Terceiro Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pela profunda e dolorosa Chaga de vosso ombro, marcada com a cruz de meus pecados, vos suplico me concedas a graça de abraçar com fé e amor a cruz de cada dia, para expiar meus próprios desvios e os de toda a humanidade pecadora. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Quarto Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pelas feridas e abundante sangue que derramastes por vossos joelhos, ao cair três vezes no caminho do Calvário, vos suplico me concedas a graça de levantar-me sempre de minhas quedas e recaídas no pecado, fazendo uma boa confissão e esforçando-me em viver em vossa graça e amizade. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Quinto Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pela profunda Chaga de vossa mão esquerda e pela dor que padecestes ao ser cravada na Cruz, vos suplico me perdoeis tudo quanto vos ofendi com minhas mãos, e me concedas a graça de usa-las em obras de caridade e em proceder no que é bom e reto ante vossos olhos. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Sexto Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pela dolorosíssima Chaga de vossa mão direita e pelo tormento que sofrestes ao ser cravada na Cruz, vos suplico me perdoeis todos os meus pecados de omissão, tudo o que de bem deixei de praticar por respeitos humanos, e me concedas a graça de praticar todo o bem possível aos outros, para imitar a Vós. Amém
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Sétimo Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pelas profundas chagas e abundante Sangue que manaram de vossos pés divinos ao serem cravados na Cruz, vos suplico me perdoeis quando vos ofendi caminhando por caminhos de erros e de pecado, e me concedas a graça de não separar-me de vossa Santíssima vontade. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Oitavo Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Por vossa dolorosíssima agonia na Cruz e pelo desamparo em que vos deixou vosso Pai Celestial naquela hora suprema, vos peço a graça de uma santa morte, acompanhado por Vós e por vossa Mãe Santíssima e Mãe Nossa, merecendo por vossos méritos infinitos e por sua intercessão maternal, morar para sempre no Céu. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.

Nono Dia

Santíssimo Cristo da Vitória: Pela profunda lançada com que foi atravessado vosso peito e Sagrado Coração, depois de morrer na Cruz, e pela fonte de sangue e água que brotaram dessa bendita Chaga, vos suplico lavais minha alma, meu corpo, minha vida e todo meu ser, e me revestis do homem novo, a vossa imagem e semelhança, para que possa amar-Vos e servir-Vos fielmente durante toda a minha vida, buscando vossa maior Glória e a salvação de minha alma. Amém.
Pede-se as graças que se deseja alcançar e rezar um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e três Glórias ao final de todos os dias e as orações finais.


Nenhum comentário: